Acção reivindicativa
20 de março, na "5 de outubro"

Concentração nacional de investigadores e docentes do Superior

11 de março, 2015

Por iniciativa da FENPROF, vai realizar-se no próximo dia 20 de março, em Lisboa, uma concentração nacional de docentes do ensino superior e de investigadores. A ação integra-se na luta que o setor tem desenvolvido "por uma investigação e ensino superior de qualidade", reivindicando financiamento e equidade de acesso.

Contra a asfixia financeira

Vamos enviar uma mensagem aos Secretários de Estado do Ensino Superior e da Ciência

15 de novembro, 2014

Faz chegar o teu protesto em:
http://form.fenprof.org/?sid=38192

Várias organizações juntam-se em defesa da ciência

Pedida a suspensão da avaliação das unidades de I&D

29 de julho, 2014

A forma como todo este processo foi desenvolvido obriga a uma tomada de posição em defesa da ciência.
Foi entregue no MEC o pedido de suspensão do processo de avaliação das Unidades de I&D, por forma a que possa ser desenvolvida uma reavaliação das Unidades.

Várias organizações pedem suspensão da avaliação das unidades de I&D

29 de julho, 2014

A forma como todo este processo foi desenvolvido obriga a uma tomada de posição em defesa da ciência. Um ministro sério não pode passar de forma indiferente ao que se está a passar.

Aplicação de directiva no ensino superior

SPRC vai avançar com acção administrativa comum em representação dos seus associados

02 de julho, 2014

Conferência de imprensa denunciou precariedade no ensino superior e apresentou propostas e acções jurídicas. Mário Nogueira, Secretário Geral da FENPROF e Coordenador do SPRC anunciou a entrada em Tribunal Administrativo de uma acção administrativa comum em representação de todos os associados a quem se aplique a directiva comunitária 1999/70/CE, de 28 de Junho, ou seja, todos os que se encontrem com contrato a termo nos dois subsistemas (politécnico e universitário).

 

GRANDE MANIFESTAÇÃO NO PORTO: UM MAR DE GENTE ENTRE O MARQUÊS E A PRAÇA DA LIBERDADE

Demonstração inequívoca que os trabalhadores e o povo não aceitam a continuação da política de desastre

14 de junho, 2014

"Esta grande manifestação é uma demonstração inequívoca que os trabalhadores e o povo não aceitam a continuação da política de direita, exigem a demissão do Governo e a convocação de eleições antecipadas, para acabar com o empobrecimento generalizado, a exploração galopante e o saque permanente que nos querem impor!" - sublinhou o Secretário Geral da CGTP-IN na ação de protesto e luta que decorreu na tarde deste sábado, 14 de junho, na cidade do Porto. Presentes milhares de pessoas, oriundas do Norte e Centro do país. 

Nota de imprensa

05 de junho, 2014

Docentes e investigadores

FENPROF apresentou ao Governo proposta para uma significativa redução da precariedade no superior

03 de junho, 2014

Em reunião realizada no Palácio das Laranjeiras (5/06/2014), com o Secretário de Estado do Ensino Superior (foto: J. Caria), a FENPROF apresentou uma proposta elaborada na sequência de muitas reuniões que realizou em diferentes instituições, que visa garantir, simultaneamente, a estabilidade de emprego e a criação de condições de aquisição das habilitações de referência das carreiras docentes do ensino superior, universitário e politécnico, e da carreira da investigação científica, requisitos fundamentais para a qualidade e a relevância social das elevadas missões que estão confiadas ao Ensino Superior e à Ciência. / JPO

Nota de imprensa

Proposta da FENPROF

Proposta reivindicativa da FENPROF quanto à aplicação da directiva comunitária, no contexto dos regimes transitórios do ECPDESP e do ECDU

Iniciativas contra a precariedade no Ensino Superior - Inquérito e Requerimentos - Participe!

02 de junho, 2014

Federação exige ser ouvida

FENPROF toma posição sobre o anúncio de novo modelo de financiamento para o Ensino Superior

08 de maio, 2014

O Governo anuncia um financiamento do Ensino Superior baseado em critérios de qualidade. Porém, com os violentos cortes orçamentais que tem aprovado (30% em 3 anos) e com medidas que atentam contra a autonomia das instituições, tudo tem feito para impedir condições para essa qualidade.

Em análise temas ligados ao financiamento da ciência e ao emprego científico

FENPROF reuniu com a Secretária de Estado da Ciência

07 de janeiro, 2014

Para a FENPROF, a vinculação dos investigadores às instituições e o direito a integrarem uma carreira, naturalmente exigente, com direitos e perspetivas de evolução, é hoje em dia uma das questões centrais da Ciência em Portugal.

indisfarçável desconfiança na qualidade das formações ministradas pelas instituições

FENPROF envia carta às instituições de ensino superior acerca da prova de acesso à profissão docente

26 de novembro, 2013

Um dos aspetos inquietantes da prova de avaliação de conhecimentos e capacidades a que o governo pretende sujeitar milhares de professores profissionalizados, impondo-a como requisito de acesso à profissão docente, é a indisfarçável desconfiança na qualidade das formações ministradas pelas instituições de ensino superior. A FENPROF tem-na denunciado desde que, em 2007, a prova foi inscrita no Estatuto da Carreira Docente. A FENPROF está a interpelar as instituições de ensino superior (carta em baixo ) na expetativa, partilhada pelos docentes que nelas fizeram a sua formação, de se conhecer publicamente o posicionamento em relação a um assunto de inquestionável gravidade quer para os professores, quer para quem os formou enquanto tal.

Ver Carta (PDF)

Arrancou em todo o país

Semana de luto e de expressão de revolta para afirmar que "o Ensino Superior é imprescindível e não pode ter mais cortes!”

19 de novembro, 2013

Esta iniciativa chama à atenção para a necessidade de um financiamento público adequado a um Ensino Superior Público de qualidade, de todos e para todos, que cumpra o seu papel no desenvolvimento cultural, económico e social do País, promovendo a formação dos Portugueses e garantindo a igualdade no acesso a este nível de ensino.

20 de novembro

Apelo contra os cortes no Ensino Superior Público entregue na Presidência da República e da A.R.

19 de novembro, 2013

Sindicatos e Associações de Estudantes e de Bolseiros entregaram (20/11/2013) na Presidência da República e do Parlamento um Apelo contra os cortes no Ensino Superior Público. Na foto: delegação junto ao Palácio de Belém. João Cunha Serra (FENPROF) salientou à nossa reportagem a grande preocupação da comunidade académica e científica face aos cortes previstos no Orçamento de Estado para 2014. Em Belém, a delegação foi recebida pela Dra. Suzana Toscano, Assessora do Presidente da República, e em São Bento pelo Dr. Ferro Rodrigues, Vice-Presidente da A.R./ JPO

Semana de luto e de expressão de revolta para afirmar que "o Ensino Superior é imprescindível e não pode ter mais cortes!”

Iniciativa de Luto e Revolta

Sem Título

14 de novembro, 2013

 

 DESPESA PÚBLICA ANUAL POR ESTUDANTE NO ENSINO SUPERIOR
Powerpoint

Autocolante

Autocolante print A4 

FENPROF em conferência de imprensa

O Ensino Superior é imprescindível ao país e não pode ter mais cortes!

04 de novembro, 2013

Esta foi a mensagem destacada da conferência de imprensa  (foto P. Machado) que a FENPROF realizou esta quarta-feira, de manhã, em Lisboa. Presentes na Mesa: Mário Nogueira, Secretário Geral da FENPROF; Rui Salgado, coordenador do Departamento do Ensino Superior e Investigação, da FENPROF; e João Cunha Serra, presidente do Conselho Nacional da Federação.

Instituto de Investigação Científica e Tropical

FENPROF reuniu com a Comissão Parlamentar de Educação, Ciência e Cultura e com a Secretaria de Estado dos Negócios Estrangeiros

24 de outubro, 2013

Tanto a reunião de anteontem, 22/10, com a Comissão Parlamentar de Educação Ciência e Cultura, como na de ontem, com a Secretaria de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, a FENPROF, caracterizando o violento corte previsto para o IICT na proposta de OE 2014 como um primeiro passo com vista ao desmantelamento do Instituto, procurou sensibilizar a Assembleia da República e o Governo para a importância de preservar o Instituto de Investigação Científica e Tropical, atendendo ao seu valor estratégico para o país, no âmbito da cooperação, e para a imprescindibilidade de manter e de valorizar os investigadores e técnicos que, com o seu esforço, têm conseguido angariar os recursos necessários à sua actividade.

FENPROF reuniu com Secretário de Estado do Superior

Nenhuma resposta concreta, sinais preocupantes exigem atenção e ação

15 de outubro, 2013

A FENPROF reuniu, no dia 11 de Outubro, com o Secretário de Estado do Ensino Superior (SEES) para analisar a situação no sector e obter respostas sobre um vasto conjunto de problemas que afectam os docentes e os investigadores.

17h00, Palácio das Laranjeiras

FENPROF reúne com o Secretário de Estado do Ensino Superior

11 de outubro, 2013

A FENPROF vai reunir esta sexta-feira, dia 11 de Outubro, às 17h00, com o Secretário de Estado do Ensino Superior, no Palácio das Laranjeiras. Na reunião, solicitada pelo Departamento do Ensino Superior e Investigação, a FENPROF vai colocar ao Senhor Secretário de Estado vários problemas que afetam o Ensino Superior, alguns dos quais se arrastam há vários anos e outros que se acentuam neste momento,

instituição fundada em 1883

Governo pretende desmantelar o Instituto de Investigação Científica Tropical

04 de outubro, 2013

Braga de Macedo, Presidente do IICT – Instituto de Investigação Científica Tropical, produziu, em 13/9, um despacho onde afirma que “no projecto de proposta de Orçamento do Estado para 2014, as medidas específicas do IICT reduzem fortemente as verbas para a investigação” e que “executar tal redução exige uma avaliação académica prévia que permita medir o contributo científico de cada um dos investigadores”.

Manifestação 15 de Junho 2013

Ensino Superior e Investigação

19 de junho, 2013

O que enfrentamos não se compadece com hesitações!

14 de junho, 2013

1. A proposta de lei enganosamente designada por "requalificação" (que significa corte imediato no salário e desprego no prazo de um ano) contém, entre outras, as seguintes disposições:

Artº 3, nº 2 - A presente lei aplica-se às instituições de ensino superior públicas.

Artº 4º, nº 2 - A racionalização de efetivos é realizada (…) por motivos de redução de orçamento do órgão ou serviço decorrente da diminuição das transferências do Orçamento do Estado ou de receitas próprias (…)

Manifestação Nacional de Professores

O Governo pretende forçar o despedimento de muitos docentes e investigadores de carreira!

14 de junho, 2013

O Governo, como tem anunciado, vai procurar cortar os mais de 4000 milhões nas funções sociais do Estado, sobretudo com despedimentos e com mais reduções salariais em toda a Administração Pública.

Apoiando-se na autonomia e no estado limite a que conduziu a generalidade dos orçamentos das instituições, insuficientes em geral para pagar os salários, o Governo prevê para forçar os despedimentos no Ensino Superior usar conjugadamente os seguintes dois instrumentos: 1) mais cortes orçamentais e 2) “requalificação”, constituindo o primeiro a condição prévia para obrigar as instituições a aplicar a segunda.