Nacional
Legislativas 2024

Ao quinto dia, campanha dos professores voltou ao litoral da região centro, com a precariedade como tema central, mas não único.

01 de março, 2024

Coimbra e Leiria são os distritos que fecham a primeira semana da iniciativa “Professores na Campanha”, com a precariedade no centro das propostas a apresentar pela FENPROF. 

O Secretário-geral adjunto da FENPROF Francisco Gonçalves lembra que continuam a existir milhares de professores contratados ainda no sistema, muitos com mais de 10, 15 ou 20 anos de serviço, a receber por índices remuneratórios correspondentes aos escalões mais baixos da carreira sem ter em conta o tempo de serviço prestado por esses docentes. Ora, para a FENPROF, a questão é simples: a uma necessidade permanente deverá corresponder um vínculo permanente.

Legislativas 2024

Segunda semana de “Professores em Campanha” regressa ao interior; em 4 de março, a campanha passa por Castelo Branco e Portalegre

29 de fevereiro, 2024

Castelo Branco e Portalegre são os distritos em que é retomada a iniciativa “Professores na Campanha”, que entra na sua segunda semana. Em 4 de março e com enfoque na proteção na doença, em particular a indispensável alteração do desumano regime de Mobilidade por Doença, a FENPROF estará com os professores e os educadores:

- Em Castelo Branco, no Jardim da Devesa (junto à estátua de Amato Lusitano), pelas 10:00 horas;

- Em Portalegre, no Rossio, pelas 15:00 horas.

Legislativas 2024

Campanha dos professores volta ao litoral da região centro; Neste quinto dia, precariedade será tema central, mas não único.

29 de fevereiro, 2024

Coimbra e Leiria serão os distritos que fecharão a primeira semana da iniciativa “Professores na Campanha”. Nesta sexta-feira, dia 1 de março, a precariedade estará no centro das propostas a apresentar pela FENPROF, mas não será o único assunto a abordar em distritos que também já começam a sentir, em algumas disciplinas falta de professores.

- Em Coimbra, os professores juntar-se-ão na Praça 8 de Maio, pelas 10:00 horas;

- Em Leiria, a concentração está marcada para o Largo 5 de outubro (frente ao antigo Banco de Portugal), pelas 15:00 horas.

Legislativas 2024

Viseu e Guarda receberam os “Professores na Campanha” na quinta-feira, 29 de fevereiro

28 de fevereiro, 2024

Em Viseu, o Auditório Mirita Casimiro foi pequeno para os mais de 300 professores que ali se reuniram em plenário e desfilaram, depois, até ao Rossio no quarto dia de "Professores na Campanha", cujo mote foi o mesmo que a UNESCO escolheu para assinalar o Dia Internacional de Educação (24 de janeiro): “o importante papel dos professores no combate ao discurso de ódio”. 

Na Guarda, cerca de uma centena de professores e educadores, lembraram que "a luta não é em vão"!

Veja aqui as imagens.

Estado da Educação 2022

Relatório do CNE confirma problemas e levanta preocupações que a FENPROF acompanha. Valorizar a profissão docente e investir na Educação são exigências imediatas

27 de fevereiro, 2024

Os dados que o Relatório sobre o Estado da Educação 2022 apresenta confirmam que Portugal, embora seja um dos estados subscritores dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), aprovados por unanimidade na ONU, no âmbito da Agenda 2030, e apesar de ter considerado a Educação de qualidade como prioridade, está longe de confirmar, de facto, tais desígnios. 

Já esta manhã, o Secretário-geral da FENPROF esteve na RTP a comentar os resultados do estudo divulgado pelo Conselho Nacional da Educação.

Sobre a extrema-direita

Mário Nogueira: "Os professores deverão ser protagonistas no combate ao discurso de ódio"

27 de fevereiro, 2024

A UNESCO, no âmbito do Dia Internacional da Educação (24 de janeiro), destacou a importância do papel dos professores no combate ao discurso de ódio e o Secretário-geral da FENPROF, a esse propósito, apresenta as suas preocupações relativamente ao eventual crescimento da extrema-direita em Portugal.

Legislativas 2024

“Professores na Campanha”, ao terceiro dia, transfere-se do norte para a região centro. Porto e Aveiro em 28 de fevereiro

26 de fevereiro, 2024

Ao terceiro dia, a ação “Professores na Campanha” passa pelo Porto e por Aveiro, tendo como tema central o da formação de professores.

No Porto, a concentração decorreu na Praça Pedro Nunes, junto à Escola Secundária Rodrigues de Freitas). À tarde, em Aveiro, os professores reúnem-se na Praça da República, pelas 15:00 horas.

Legislativas 2024

O Jornal da FENPROF analisa os programas dos partidos

26 de fevereiro, 2024

Com o envio do Jornal da FENPROF para todos os sócios dos seus Sindicatos pretendemos chegar a cada um com importante informação para a decisão que temos de tomar quando escolhermos quem queremos que nos represente na Assembleia da República, para o que concorrem vários partidos de um espectro político alargado. 

Neste número do Jornal da FENPROF, a partir de um conjunto de objetivos reivindicativos de que demos conhecimento prévio aos partidos e coligações, foi possível dar a conhecer as opções partidárias daqueles que têm assento parlamentar e avaliar as propostas que integram. 

Entrevista ao Secretário-Geral da FENPROF

Professores na Campanha: “A luta é que fará a diferença!...”

26 de fevereiro, 2024

Ao longo da campanha eleitoral para as eleições de 10 de março, que serão muito importantes para o futuro do país, a FENPROF decidiu levar por diante uma iniciativa a que chama “Professores na Campanha”. Iniciativa que se enquadra na mesma linha do apelo que tem sido feito para que a luta vá até ao voto, para que este seja usado, também, como forma de luta. 

O Jornal da FENPROF (JF) entrevistou o Secretário-Geral, Mário Nogueira (MN), não só para que falasse sobre a iniciativa, mas para que desse a conhecer algumas das suas preocupações e expetativas, face às eleições que se aproximam e ao futuro. Passando pelas que são as principais preocupações dos docentes, Mário Nogueira deixou uma mensagem de esperança, mas também de exigência em relação ao futuro.

Legislativas 2024

Segundo dia de campanha dos professores aborda envelhecimento da profissão

23 de fevereiro, 2024

O segundo dia de “Professores na Campanha” passou, de manhã, em Vila Real e, à tarde, em Bragança, tendo o preocupante envelhecimento da profissão docente como tema central. [Veja as imagens do dia]

À tarde, em Bragança, Francisco Gonçalves lembrou que os professores estão na campanha às eleições legislativas de 10 de março para lembrar aos partidos políticos as principais reivindicações dos docentes com vista à valorização da profissão e à resolução dos problemas da Educação. Depois do ato eleitoral, a FENPROF irá chamar o novo governo à responsabilidade, exigindo o cumprimento das promessas eleitorais.

Legislativas 2024

Em todos os dias úteis da campanha eleitoral, os professores estarão na rua a reclamar a valorização da profissão e da Escola Pública

06 de fevereiro, 2024

Os professores estarão na rua em todos os dias úteis da campanha eleitoral para reclamarem políticas e medidas que na próxima legislatura deem resposta aos problemas que afetam a profissão e criam dificuldades à organização e funcionamento da Escola Pública, uma das maiores e mais significativas conquistas de Abril e da nossa Democracia.

Serão concentrações diárias, às 10:00 e às 15:00 horas, que, distrito a distrito, percorrerão o país, do Minho ao Algarve e também nas regiões autónomas da Madeira e dos Açores. Confira aqui as datas.

👉 Cartaz com Calendário para descarregar e partilhar

Legislativas 2024

Propostas e posições da FENPROF sobre as eleições de 10 de março

05 de fevereiro, 2024

O voto no dia 10 de março definirá muito bem as linhas com que se desenhará o nosso futuro. A FENPROF está a apresentar as suas propostas e reivindicações às direções dos partidos políticos que concorrem às Eleições Legislativas de dia 10 de março, que foram, também convidados a apresentar as suas propostas em dois debates com a participação dos professores, educadores e investigadores. 

Consulte aqui os documentos da FENPROF e reveja o debate de dia 2 de fevereiro sobre Educação.

Conselho Nacional aprova ação reivindicativa

Professores vão estar na rua todos os dias da campanha eleitoral

03 de fevereiro, 2024

Os órgãos dirigentes da FENPROF, reunidos ao longo dos últimos três dias, aprovaram a ação reivindicativa a desenvolver nas próximas semanas. 

Já a 14 de fevereiro, em Coimbra, a FENPROF vai lembrar as reivindicações dos professores a quem foi recusada mobilidade por doença. A 19, os sindicatos da FENPROF vão entregar, em simultâneo, nos Tribunais Administrativos de todo o país as ações dos docentes que exigem a reinscrição na CGA.

De 26 de fevereiro a 8 de março, em todos os dias da campanha eleitoral para as Eleições Legislativas de 10 de março, a FENPROF vai estar nas ruas de todas as capitais de distrito do país: são os "Professores na Campanha".

2 fevereiro

Debate sobre Educação - Reveja aqui o vídeo do debate!

01 de fevereiro, 2024

Na sexta-feira, 2 de fevereiro, a FENPROF promoveu um debate entre partidos sobre Educação, onde foi discutido o futuro da Educação e apresentadas propostas para a valorização da Escola Pública e dos seus profissionais. 

O debate teve transmissão em direto e pode revê-lo aqui.

Dias 1, 2 e 3 de fevereiro

FENPROF reúne os seus órgãos de direção, com ação reivindicativa próxima e um debate com os partidos sobre Educação na agenda

31 de janeiro, 2024

Os órgãos de direção da FENPROF reúnem nos dias 1, 2 e 3 de fevereiro. Dia 1, a partir das 10:00 horas, reunirá o Secretariado Nacional, reunião que terminará no dia seguinte pela hora de almoço. 

No dia 2, sexta-feira, a partir das 15:00 horas, inicia-se a reunião do Conselho Nacional, com um debate entre partidos sobre Educação. Já estão confirmadas as presenças de PS, PSD, PCP, BE, PAN e LIVRE neste debate em que se espera ver discutido o futuro da Educação e apresentadas propostas para a valorização da Escola Pública e dos seus profissionais. O debate vai realizar-se no Auditório da Escola Secundária D. Dinis, em Lisboa (Rua Manuel Teixeira Gomes). 

O debate é dirigido a todos os professores e terá transmissão em direto através da página da FENPROF. Mantenha-se atento!

TOMADA DE POSIÇÃO

FENPROF repudia manifestação xenófoba convocada para 3 de fevereiro

26 de janeiro, 2024

79 anos após a libertação do campo nazi de Auschwitz-Birkenau e quando se assinalam 50 anos sobre a data libertadora do 25 de Abril, FENPROF lembra que o incitamento ao ódio e à violência é crime!

A FENPROF manifesta publicamente o seu repúdio pela convocação de uma manifestação de caráter xenófobo para 3 de fevereiro, cuja mobilização assenta num intolerável discurso de ódio. 

Legislativas 2024

FENPROF prossegue reuniões com os partidos e leva as suas propostas ao BE

24 de janeiro, 2024

O Bloco de Esquerda foi o quarto partido político a receber a FENPROF em reunião, depois do LIVRE, PCP e PAN.

Mário Nogueira fez o balanço da reunião onde foram apresentadas as principais reivindicações e propostas da FENPROF e disse aos jornalistas que, apesar de a recuperação do tempo de serviço ser fundamental, os professores não permitirão que esta se faça a qualquer preço.

24 de janeiro

Dia Internacional da Educação: contra o discurso de ódio e pelo reforço da Educação Pública

24 de janeiro, 2024

Em 2024, a UNESCO dedica as celebrações do Dia Internacional da Educação ao papel crucial que a educação e os professores desempenham no combate ao discurso de ódio, um fenómeno que se multiplicou nos últimos anos com a utilização das redes sociais, degradando o tecido das nossas sociedades. 

Posição da FENPROF

A propósito da regulamentação, na Educação, da lei sobre o direito à autodeterminação da identidade de género e expressão de género

18 de janeiro, 2024

A regulamentação para a Educação da lei sobre o direito à autodeterminação da identidade de género e expressão de género tem dado lugar a uma enorme discussão, como se estivesse ali o cerne dos problemas da Educação em Portugal. 

Os problemas vividos na Educação resultam do subfinanciamento a que tem estado sujeita e de políticas que a têm fragilizado, com particular expressão na Escola Pública e nas condições de trabalho e de carreira dos seus profissionais.

Não podem, contudo, ser ignorados outros problemas que afetam a comunidade escolar, e a autodeterminação da identidade de género e expressão de género é um deles.

Saudação ao 5.º Congresso dos Jornalistas

18 de janeiro, 2024

Em nome da FENPROF e em representação sindical da comunidade docente e de investigação científica saudamos o 5.º Congresso dos Jornalistas portugueses.

Como educadores, compreendemos a importância vital do trabalho dos jornalistas na formação de uma sociedade esclarecida e comprometida.

Saudação ao XIII Congresso da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais

18 de janeiro, 2024

A FENPROF saúda o XIII Congresso da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais que decorre, em Coimbra, nestes dias 18 e 19 de janeiro.

Legislativas 2024

FENPROF reúne com PCP para apresentar as suas propostas para a Educação, o Ensino Superior e a Ciência

18 de janeiro, 2024

A FENPROF reuniu esta terça-feira com o Partido Comunista Português para apresentar as suas propostas para a próxima Legislatura e conhecer os seus compromissos, em especial para a Educação, a Escola Pública e os seus profissionais. À semelhança do que já tinha sucedido a 9 de janeiro, na reunião com o LIVRE, a FENPROF apresentou as suas preocupações relativamente à Educação e ao Ensino Superior e Ciência, mas também no que respeita ao Ensino Particular e Cooperativo.

Veja aqui as declarações do Secretário-geral da FENPROF e do Secretário-geral do PCP à saída da reunião.

Reinscrição na CGA

Governo, irredutível, não resolve problema apesar de poder fazê-lo. Professores no dia 23 junto à Residência Oficial do Primeiro-Ministro

18 de janeiro, 2024

É um direito legal inequívoco, confirmado por todas as decisões proferidas pelos tribunais, a reinscrição de ex-subscritores na Caixa Geral de Aposentações (CGA). Saíram do regime por motivos que não lhes são imputáveis. FENPROF estará concentrada no dia 23 de janeiro, terça-feira, pelas 10:30 horas, junto à Residência Oficial do Primeiro- Ministro, tendo solicitado uma audiência com o chefe do atual governo para as 11:30 horas.

administração pública

FENPROF no "Cordão Reivindicativo" da Frente Comum

16 de janeiro, 2024

A FENPROF participou esta terça-feira no "Cordão Reivindicativo" promovido pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública pelo reforço dos serviços públicos e das funções sociais do Estado.

Em tempo de eleições, Mário Nogueira chama a atenção para as sereias que cantam e para os populistas que querem que dancemos a sua valsa.

Comunicado da Frente Comum