CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
25 abr 2021 / 20:33

Inaugurado o Mural "O 25 de Abril nas Escolas" em Peniche

No 47º aniversário da Revolução do 25 de Abril de 1974, a Federação Nacional dos Professores  (FENPROF) e o Município de Peniche inauguraram o Mural "O 25 de Abril nas Escolas" em frente ao Museu Nacional Resistência e Liberdade, em Peniche.

O mural, que poderá conhecer melhor aqui, é composto por 46 painéis de azulejos, elaborados por professores e alunos de 46 Agrupamentos de Escolas e Escolas não agrupadas de todo o país e que foi, inicialmente, projetado para assinalar os 46 anos do 25 de Abril, em 2020. Contudo, a inauguração foi inviabilizada pelas medidas então vigentes, no âmbito do combate à pandemia. Um ano depois, o mural é inaugurado, mantendo o número de painéis e assinalando, para memória futura, o motivo que levou ao adiamento.

O Secretário-geral da FENPROF explicou os objetivos deste projeto e a importância de manter viva a memória de abril nas gerações mais novas. Mário Nogueira agradeceu o envolvimento e o empenho de todos os parceiros, mas confessou que a FENPROF se sente “vaidosa" por ter tido a iniciativa.

 

O Presidente da Câmara Municipal de Peniche, Henrique Bertino Batista Antunes, quis agradecer aos alunos, aos professores e à FENPROF "aquilo que nos deram" e que vai ficar instalado neste local emblemático de Peniche.

 

A ministra da Cultura saudou a iniciativa da FENPROF e deu os parabéns aos alunos  e professores participantes. Graça Fonseca sublinhou que "o melhor que podemos fazer por Abril e para garantir que aquilo se conquistou em 25 de abril de 1974 nunca seja esquecido é trabalhar com as novas gerações".

 

Marília Vilaverde Cabral, da União de Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP), parceira da FENPROF e do Município de Peniche nesta iniciativa, agradeceu o convite da FENPROF para participar "nesta maravilhosa iniciativa que vai perdurar e lembrar para sempre o 25 de Abril".

 

Pedro Pires foi o autor do desenho selecionado pela Escola Secundária do Fundão para figurar no painel proposto pelo Agrupamento de Escolas. Orgulhoso, não quis perder a inauguração e a oportunidade de ver o "seu" painel exposto no mural em Peniche.

 

Sérgio Branco, da Comissão Executiva da CGTP-IN, saudou a FENPROF e todas as entidades promotoras deste projeto, bem como o esforço coletivo de todas as escolas envolvidas.

 

Esta é uma iniciativa que se tornou possível pelas muitas parcerias que se estabeleceram: FENPROFMunicípio de PenicheFaculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, Centro de Formação Profissional para a indústria Cerâmica (CENCAL), União dos Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP), Associação 25 de Abril (A25A) e, contributo fundamental, as 46 escolas e agrupamentos de escolas que participaram, criando, desenhando, pintando e cozendo os 46 painéis em azulejo com 60 centímetros de lado. 

O mural ficará permanentemente exposto em frente ao Museu Nacional Liberdade e Resistência, no Forte de Peniche, com o parecer favorável da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC).


Voltar ao Topo