CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
03 jan 2018 / 20:57

Lamentável ausência de disponibilidade do ME para negociar propostas da FENPROF

No final da reunião de negociação suplementar sobre a progressão aos 5.º e 7.º escalões e sobre concursos, o Secretário Geral da FENPROF lamenta que o MInistério da Educação não tenha encontrado qualquer disponibilidade para discutir e negociar as propostas da FENPROF. Para Mário Nogueira esta reunião não serviu para nada.

Recorde-se que a FENPROF decidiu requerer a negociação suplementar destas matérias, tendo por objetivos:

  1. A fixação de uma percentagem mínima de vagas anuais para progressão aos 5.º e 7.º escalões, a ter em conta já em 2018, bem como a garantia de negociação anual do contingente a fixar;
  2. Uma revisão geral do regime de concursos e a realização, em 2018, de um concurso interno, externo e de mobilidade interna.

À saída do Ministério da Educação, o Secretário-Geral, falando aos professores concentrados no exterior, informou que, se não houver resultados concretos positivos dos processos negociais em curso até ao final do mês de Janeiro, se realizará um Plenário Nacionbal que fará a avaliação da situação e definirá a luta a desenvolver a partir daí.

O Secretariado Nacional 


 
Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Voltar ao Topo