CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
10 mai 2013 / 17:41

FENPROF exige do Governo que qualquer alteração ao estatuto resulte de negociação direta com os Sindicatos de Professores

O Governo pretende alterar aspetos do ECD, como a duração do horário de trabalho, as tabelas salariais ou a aplicação do regime de mobilidade especial e a possibilidade de despedir professores através de cessação de contrato ou despedimento coletivo.

Estas alterações estão a ser feitas pelo Ministério das Finanças, em reuniões convocadas pelo Secretário de Estado da Administração Pública (SEAP), no âmbito de reuniões gerais com todos os Sindicatos da Administração Pública.

A FENPROF não dispensa a negociação direta com o governo sobre todas as matérias com incidência no ECD, tendo enviado ao SEAP um ofício

Imprimir Abrir como PDF

Contém 1 ficheiro em anexo:

 FP_084-2013_10-05-2013.pdf

Partilhar:

|

Acção Sindical
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo