CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
09 dez 2015 / 19:51

Ouvimos e registámos

Rui Paiva:

  • "Temos colegas que não estão aqui nesta conferência de imprensa porque não têm dinheiro para os transportes" 
  • "Sabemos de situações em que colegas estão a voltar para casa dos pais. Não têm outra possibilidade de sobrevivência..." 
     

Catarina Sousa:

  • "Há escolas que não conseguem aceder a empréstimos da banca, tal como muitos professores e funcionários das instituições. São, assim, obrigados a recorrer à disponibilidade de familiares e amigos"
  • "Exigem que se apresentem contratos sem data. Quem assinala as datas vê os documentos voltarem para trás. Não sei como é que isto é possível..."


Sílvia Sobral:

  • "Têm que se apurar responsabilidades. Não é dos técnicos da DGEstE, mas sim do senhor Diretor Geral"
  • "Muitos docentes do ensino artístico especializado vivem hoje situações humanitárias muito graves, sem dinheiro para viver"
  • "As escolas que foram obrigadas a recorrer à banca por não terem recebido o financiamento a que tinham direito não deviam pagar juros desses empréstimos"
  • "Sem financiamento, como é que as instituições podem pagar os encargos com a segurança social e as finanças?"

Graça Sousa:

  • "Estão em curso reuniões com representantes dos grupos parlamentares, alguns dos quais já garantiram que vão apresentar projetos de resolução para atender aos graves problemas do ensino artístico especializado e dos seus profissionais"

 

Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Frentes e Sectores
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo