CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
21 dez 2009 / 19:21

FENPROF saúda vitória de Aminetu Haidar que considera um grande passo para a vitória do povo Saharauí

O Secretariado Nacional da FENPROF manifesta o seu mais profundo regozijo pelo regresso de Aminetu Haidar à sua terra, o Sahara Ocidental.
A coragem e firmeza desta Mulher lutadora simboliza a coragem de um povo que vive oprimido e reprimido, há décadas, por um país invasor que continua a agir mantém à margem das mais elementares regras do direito internacional.
A FENPROF junta a sua voz à de quantos clamam pelo direito do povo saharauí à autodeterminação e condenam o reino de Marrocos por desrespeitar as resoluções da ONU e se apropriar de bens e da riqueza de um povo que, na sua esmagadora maioria, é obrigado a viver em acampamentos de refugiados há mais de trinta anos dependendo, quase exclusivamente, da ajuda humanitária internacional.
Esta vitória de Aminetu Haidar - o seu regresso ao Sahara Ocidental - é um passo muito importante para a vitória de um povo que luta e lutará sempre pelos seus mais elementares direitos.
A FENPROF manterá uma postura activa e interveniente na cadeia de solidariedade que se mantém viva e actuante na divulgação e no apoio à causa saharauí. Nesse contexto, promoverá um conjunto de iniciativas, no âmbito do seu X Congresso, que terá lugar em Abril, que visarão manter viva a solidariedade activa com um povo que, em pleno século XXI, ainda luta pela liberdade e independência.
Só o facto de vivermos num mundo de profunda hipocrisia permite que persistam muros que separam povos - Marrocos mantém sob vigilância armada um muro com 2.700 quilómetros, junto ao qual instalou dez milhões de minas para impedir a entrada de saharauís no seu próprio país - e ocupações de territórios alheios que recolhem silêncios cúmplices e/ou cobardes.

Lisboa, 21 de Dezembro de 2009
O Secretariado Nacional


Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Frentes e Sectores
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo