CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
04 mai 2005 / 13:26

Ministra apresenta conclusões do estudo internacional Pisa 2003


A ministra da Educação  apresenta (27/04) as primeiras medidas com vista à melhoria do ensino da Matemática. Maria de Lurdes Rodrigues vai à Escola Secundária da Amadora vincar a necessidade de se apostar na formação dos professores daquela disciplina.

O anúncio da ministra será feito durante a sessão de apresentação dos resultados do estudo internacional Pisa 2003, da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), que visa medir a capacidade dos jovens de 15 anos para usarem os conhecimentos que têm para enfrentar os desafios da vida real.

Este estudo, realizado em 2003 em 41 países e que envolveu um total de 250 mil estudantes de 15 anos, incidiu sobre a literacia na matemática mas também avaliou domínios como a leitura e a resolução de problemas.

De acordo com o Pisa, os alunos portugueses estão "significativamente abaixo" da média dos seus colegas dos países da organização internacional OCDE na aprendizagem da Matemática, ficando-se pelo 25º lugar entre 29 nações.

Portugal surge à frente da Itália, Grécia, Turquia e México, fazendo assim parte do grupo de 11 países cujos resultados ficam "significativamente abaixo da média da OCDE".

A prestação dos alunos portugueses neste estudo será o tema principal do debate a realizar hoje, presidido pelo primeiro-ministro e durante o qual serão apresentadas algumas medidas governamentais para melhorar o ensino da Matemática em Portugal.

A ministra da Educação já fez a antevisão dos planos do Executivo e indicou que entre as medidas a anunciar está a aposta na formação contínua dos docentes, nas melhores condições para o ensino da disciplina e na gestão dos recursos das escolas - o aproveitamento dos "furos" nos horários dos alunos para o acompanhamento dos estudantes no estudo da Matemática.

Lusa, 27/04/2005

Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Acção Sindical
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo