CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
18 jan 2017 / 18:38

Mário Nogueira: "O desgaste é enorme"

Mário Nogueira chegou à Assembleia da República com um dossiê debaixo do braço. Estavam ali mais 5 129 assinaturas de apoio à Petição “Respeitar os docentes, melhorar as suas condições de trabalho e valorizar o seu estatuto de carreira“, a somar às mais de 17 000 já recolhidas anteriormente (recorde-se que o documento foi entregue na A.R. em novembro passado)

“Isto é revelador da preocupação e da forma como os professores sentem o problema do desgaste e do envelhecimento na profissão”, realçou Mário Nogueira na sessão de trabalho com a Comissão de Educação e Ciência do parlamento (18/01/2017).

Como realçou o dirigente sindical, “há que tomar medidas; estudos não faltam a confirmar que o desgaste é enorme e que várias são as consequências”. “Isto não é suportável”, alertou.

Mário Nogueira recuperou o tema da “renovação geracional” e comentou a dado passo: “Era bom que fosse transmitida a experiência dos que saem aos que entram”.

"Os próprios deputados que são professores interrogam frequentemente: Para quando a aposentação? Para quando o descongelamento das carreiras?..".

"Há que ficar claro, da parte do Ministério, o que é e o que não é componente letiva; é preciso esclarecer esta situação", registou noutro momento da sua intervenção na Sala do Senado. / JPO

Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Nacional
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo