FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
 Bem-vindo ao Site dos Professores Aposentados
newsletter 
RSS
23 out 2014 / 17:42

O roubo aos aposentados da Admnistração Pública continua!

Os aposentados da Administração Pública irão continuar a ser vítimas da política de austeridade, se o OE/2015 apresentado pelo governo do PSD/CDS for aprovado.

O Orçamento para o próximo ano deveria conter propostas de reposição daquilo que foi roubado aos trabalhadores e aos aposentados, em matéria de salários e pensões, tendo em conta que o chamado programa de assistência financeira chegou ao fim no passado mês de junho!

Ao contrário do que o Governo prometeu, quer continuar a mesma política de direita:

- Através da imposição de uma brutal carga fiscal, cuja aplicação aos aposentados faz com que recebam, em média, menos que o valor de um subsídio e meio de férias por ano;

- A manutenção do congelamento das pensões, já que apenas os dois escalões mais baixos das pensões mínimas poderão ter um aumento de 2.70 euros mensais (não dá para comprar uma carcaça por dia!), enquanto reduzem o IRC em 2% para as empresas;

- A saúde, transformada num chorudo negócio para os grandes grupos económicos, é cada vez menos acessível e mais cara - as taxas moderadoras nos Hospitais podem chegar até aos 50 euros!

- Os descontos para a ADSE, que no prazo de um ano aumentaram 133% - de 1,5% para 3,5% - reduziram ainda mais os rendimentos dos aposentados e os benefícios deste subsistema de saúde, que os trabalhadores no ativo e aposentados pagam integralmente, continuam a ser reduzidos.

Em resumo, em Portugal, os aposentados estão cada vez mais pobres e os ricos estão cada vez mais ricos.

Os aposentados da Administração Pública não aceitam ser tratados com desprezo por este Governo depois de uma vida inteira de descontos exigidos como garantia de uma reforma justa e digna e de terem contribuído com o seu trabalho para a dignificação dos serviços públicos, no cumprimento dos objetivos traçados na Constituição da República Portuguesa.

Exigimos:

  • RESPEITO PELOS SEUS DIREITOS;
  • AUMENTO DAS PENSÕES;
  • REDUÇÃO DA CARGA FISCAL;
  • REPOSIÇÃO DE TUDO O QUE LHES ROUBARAM NAS PENSÕES.

Por tudo isto, os aposentados vão estar em luta, com os trabalhadores do activo, na MANIFESTAÇÃO NACIONAL DE TRABALHADORES DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, promovida pela Frente Comum, no dia 31 de outubro, a partir das 15.00h, do Marquês Pombal para a Assembleia da República.

A Comissão Nacional de Aposentados da FCSAP
Outubro 2014 


 
Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Voltar ao Topo