CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
09 abr 2020 / 17:57

Reação da FENPROF às medidas anunciadas pelo Governo para o 3º período letivo

 

Análise do Secretário-geral da FENPROF, Mário Nogueira, às medidas anunciadas pelo Governo para o terceiro período do ano letivo.

 

Em análise

Medidas apontadas pelos especialistas de saúde pública indicam a necessária contenção. Mário Nogueira fala de diversos aspetos que resultam desta situação, como por exemplo: A eliminação de provas que não são imprescindíveis. A realização de exames apenas a disciplinas que tenham implicação direta em exames de acesso ao ensino superior. O retorno às aulas presenciais sujeita a um "se" que revela preocupação com a saúde e com o retorno à vida normal. A salvaguarda para os professores que pertencem aos grupos de risco. A criação de condições de proteção e a constituição de grupos de alunos mais pequenos. A necessidade de contratar mais docentes, nesta salvaguarda, em função das necessidades de cada escola. O recurso à televisão que não substitui o trabalho pedagógico de cada professor. A necessária criação de condições e recursos para que o ensino à distância possa ser uma forma de responder a uma situação excecional. O ano seguinte articulado com o que ficar por fazer este ano. A defesa de equidade de tratamento e a igualdade de oportunidades e de acesso aos instrumentos de ensino são uma preocupação fundamental da FENPROF.

Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Acção Sindical
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo