CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
29 mai 2017 / 15:39

Prémio Literário Urbano Tavares Rodrigues 2017

A FENPROF, em colaboração com a SABSEG – Corretora de Seguros, criou, em 2012, um Prémio Literário destinado a Professores. O Prémio é anual, alternando entre poesia e ficção. Lídia Jorge ("Os Memoráveis") foi a vencedora da última edição do prémio em 2015.

De acordo com o regulamento que a FENPROF e a SABSEG estabeleceram, este prémio alterna a poesia (Prémio António Gedeão) e a ficção (Prémio Urbano Tavares Rodrigues) e pretende valorizar o trabalho dos professores, também para além do que é a sua exigente atividade na escola, daí a escolha da data em que se assinala o Dia Mundial dos Professores para sua atribuição.

Em 2017, o Júri constituído por Paulo Sucena (em representação das entidades promotoras), José Manuel Mendes e Teresa Martins Marques (convidados daquelas entidades), distinguirá uma obra publicada no ano de 2016. As entidades promotoras, particularmente a FENPROF, dirigram já às editoras o convite para que, caso pretendam apresentar obras por elas publicadas e que se enquadrem no âmbito do Regulamento, as façam chegar, nos prazos estabelecidos, devendo as mesmas ser dirigidas a FENPROF (Prémio Urbano Tavares Rodrigues), Rua Fialho de Almeida, n.º 3, 1070-128 LISBOA, ou entregue nesta morada ou, ainda, nas moradas dos Sindicatos da FENPROF referidos no ponto 6 do Regulamento do Prémio.

Em 2016, o júri atribuiu o Prémio literário 2016 (Prémio António Gedeão, de Poesia) a Nuno Júdice, pelo seu livro "A Convergência dos Ventos" (Dom Quixote, 2015).

O Secretariado Nacional


 
Imprimir Abrir como PDF

Contém 1 ficheiro em anexo:

 PREMIO_DE_NOVELA_E_ROMANCE_URBANO_TAVARES_RODRIGUES_2017___REGULAMENTO.pdf

Partilhar:

|

Nacional
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo