CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
09 mar 2017 / 11:52

FENPROF em conferência de imprensa

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

10 de março de 2017 (6.ª feira), 11 horas

SEDE DA FENPROF (Rua Fialho de Almeida, 3)

A FENPROF quis saber, com o rigor possível, quantas horas semanais são necessárias aos professores dos 2º, 3º ciclos e ensino secundário para que consigam cumprir as obrigações que lhes são exigidas.

O inquérito lançado aos docentes destes setores é claro: os professores trabalham, em média, mais de 46 horas por semana, isto é, muito para lá das 35 legalmente estatuídas.

Esta sobrecarga horária, causa primeira do profundo desgaste e do cansaço da classe docente – unanimemente reconhecida - resulta do facto de, para lá da sua atividade letiva, dificultada muitas vezes pelo elevado número de alunos por turma e do elevado número de turmas atribuídas ao docente, o professor ter de se desdobrar em variadas atividades da componente não letiva de estabelecimento, de infindáveis tarefas burocráticas, de inopinadas e longas reuniões, a que acresce todo o trabalho de preparação de aulas, avaliação…

A FENPROF convida os jornalistas para a apresentação dos resultados do inquérito, que teve a resposta de quase 6000 docentes, e das exigências que dele é lícito extrair.

O Secretariado Nacional
9/03/2017 

 


 
Imprimir Abrir como PDF

Partilhar:

|

Nacional
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo