CGTP  |  FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC  |  CPLP-SE
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
Direcção, Autonomia e Gestão das Escolas

MUNICIPALIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO
27 nov 2014 / 18:20

O governo mantém o secretismo em que tem vindo a desenvolver este processo, nomeadamente quando se recusa a divulgar os concelhos onde realiza negociações com as câmaras municipais. Diz o governo que, para além das câmaras municipais, conhecem o processo todos os diretores e presidentes dos conselhos gerais das escolas e agrupamentos envolvidos. Continua sem explicação o facto de os professores permanecerem afastados da discussão desta importante matéria para a Escola Pública e para a profissão docente.

Declarações do Secretário Geral da FENPROF à saída da reunião [VIDEO]


Contra os agrupamentos
16 out 2013 / 09:21

Nota à Comunicação Social, 19/08/2010
19 ago 2010 / 14:05

A forma como foi divulgada a lista de 701 escolas que, em princípio, já não abrirão em Setembro corresponde ao culminar de um processo marcado por uma atitude prepotente em que o desrespeito e a demagogia do ME e do Governo estiveram sempre presentes, sublinha uma nota de imprensa divulgada pela FENPROF. Fica claro, pela reacção de surpresa de diversos autarcas, que muitos municípios não deram o seu aval ao encerramento imposto e que, em inúmeros casos, as verbas que o governo transferirá ficam muito aquém do necessário. Exemplo disso, é o que já se conhece em Lamego, cuja Câmara Municipal terá de arcar com cerca de 80% da despesa acrescida com transportes.

Prepotência, demagogia e desrespeito marcam processo de encerramento de escolas do 1º Ciclo
Prepotência, demagogia e desrespeito marcam processo de encerramento de escolas do 1º Ciclo

ATÉ A UMA EVENTUAL DECLARAÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE
18 set 2013 / 18:56

SECRETÁRIO-GERAL DA FENPROF ESTARÁ PRESENTE PARA APOIAR E DAR MAIS FORÇA AO PROTESTO
09 abr 2013 / 17:15

A ex-diretora regional de Educação do centro fez saber aos municípios de Castelo Branco, Covilhã e Marinha Grande, assim como às escolas e agrupamentos envolvidos, que tinham sido constituídos novos mega-agrupamentos (agregações, em linguagem oficial). Estes mega-agrupamentos, recorde-se, integram-se no conjunto de 18 criados por despacho de 1 de abril de 2013 do Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar.


CRIAÇÃO DE MAIS MEGA-AGRUPAMENTOS
03 abr 2013 / 10:07

A FENPROF recorda a Resolução n.º 7 do Conselho Nacional de Educação, de 22 de outubro de 2012, onde se pode ler que a agregação de escolas “tem vindo a criar problemas onde eles não existiam” e refere alguns, tais como: reforço da centralização burocrática dentro do agrupamento; aumento do fosso entre quem decide e os problemas concretos; criação de novas hierarquias de poderes delegados; existência de vários órgãos de gestão, dentro do agrupamento, que nunca se encontram; sobrevalorização do administrativo face ao pedagógico…

Entrevista a Mário Nogueira na RTP (02-04-2013, 00:09) 


▶ 
▶ 
CONTRA OS AGRUPAMENTOS
▶ 
▶ 
▶ 
PROJETO DO Ministério NÃO MERECE ACORDO DA FENPROF
▶ 
▶ 
RONDA NEGOCIAL RELATIVA À ALTERAÇÃO AO REGIME JURÍDICO DE AUTONOMIA,ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO DAS ESCOLAS
▶ 
▶ 
▶ 
2 de Março de 2012
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
conferência de imprensa
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
ALTERAÇÕES AO REGIME DE GESTÃO DAS ESCOLAS
▶ 
▶ 
"É lamentável a ausência de informação"
▶ 
▶ 
▶ 
quatro resoluções aprovadas em S. Bento
▶ 
▶ 
FENPROF PROMOVEU DEBATE
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
PELO REGRESSO DA GESTÃO DEMOCRÁTICA ÀS ESCOLAS, PELO REFORÇO DA SUA AUTONOMIA PEDAGÓGICA
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
MANIFESTO
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Enviada aos Sindicatos e também ao Primeiro Ministro e à Ministra da Educação.
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Logo que estejam reunidas as 4.000 assinaturas exigidas, o que se prevê que aconteça rapidamente, a Petição será entregue ao Senhor Presidente da Assembleia da República.
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Pedida também declaração de ilegalidade junto do Procurador-Geral da República
▶ 
Conclusões da reunião de 27 de Fevereiro
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Publicado a 22/04/2008
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Público, 3/07/2010
▶ 
▶ 
Seminário - Democracia na Escola Pública: Que Futuro?
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Gestão das Escolas
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Nota de imprensa do SN da FENPROF (26/01/2008)
▶ 
Posição e abaixo-assinado
▶ 
▶ 
▶ 
Reportagem fotográfica
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Seminário nacional "Democracia na Escola Pública: que futuro?" reuniu em Lisboa mais de 250 participantes
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Reuniões com a CONFAP, Comissão de Educação e Ciência da AR, FNSFP e Conselho das Escolas
▶ 
Previstas, entre outras, reuniões com o Conselho das Escolas, Federação Nacional dos Sindicatos da Função Pública e com a CONFAP
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
POR UM REGIME DE DIRECÇÃO E GESTÃO QUE DEFENDA A DEMOCRACIA NA ESCOLA PÚBLICA E RESPEITE A PROFISSÃO DOCENTE
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Em conferência de imprensa, FENPROF sublinha ainda que aquele projecto é também "uma afronta à dignidade profissional dos professores"
▶ 
Regime Jurídico de Autonomia, Administração e Gestão dos Estabelecimentos Públicos da Educação Pré Escolar e dos Ensinos Básico e Secundário
▶ 
Directores de Escolas e Agrupamentos de Escolas do distrito de Viseu da área de influência da Direcção Regional de Educação do Centro
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Mário Nogueira, secretário-geral da FENPROF (19/12/2007)
▶ 
Jornal de Notícias
▶ 
Ecos na comunicação social
▶ 
▶ 
▶ 
FENPROF lamenta que seja um Governo do PS a retomar o essencial das opções que o PSD e o CDS procuraram impor aquando da tentativa de revisão da LBSE
▶ 
Leonel Moura
▶ 
Grande Lisboa
▶ 
Entregue no Ministério e divulgada à comunicação social (29/11/2007)
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Norte
▶ 
A 30 de Agosto de 2007
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
"Chumbo" do Tribunal Constitucional
▶ 
▶ 
▶ 
Tribunal Constitucional reafirma eleição democrática como opção político-legislativa fundamental
▶ 
▶ 
▶ 
Preencha este inquérito e contribua para a avaliação do impacto desta realidade no terreno
▶ 
▶ 
Regime de autonomia, administração e gestão dos estabelecimentos públicos da educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário
▶ 
▶ 
▶ 
Primeira alteração ao Decreto-Lei n.º 115-A/98
▶ 
Promovida pela FENPROF e integrado no "Debate Nacional sobre Educação" organizado pelo CNE Porto, 10 de Julho de 2006, Biblioteca Municipal Almeida Garrett
▶ 
▶ 
Nota da Direcção do SPRC
▶ 
"A Página", nº 145, Maio 2005
▶ 
É necessário mudar a realidade imposta
▶ 
FENPROF exige o "fim de procedimentos disciplinares arbitrários"
▶ 
Ensino recorrente
▶ 
Avaliação do SN da FENPROF. Reunião com ME. FENPROF e CONFAP em conferência de imprensa. Posição da ANMP.
▶ 
Contra a nomeação de gestores profissionais
▶ 
Gestão Democrática em perigo
Frentes e Sectores
Skip Navigation Links.

Voltar ao Topo