FRENTE COMUM  |  INTERNACIONAL EDUCAÇÃO  |  FMTC
 
 SPN  | SPRC  | SPGL  | SPZS  | SPRA  | SPM  | SPE  

FENPROF
Particular, Cooperativo e IPSSs

CCT DO ENSINO PARTICULAR E COOPERATIVO

A FENPROF esteve (19/06/2014) no Ministério da Solidariedade, Emprego e Segurança Social para proceder à entrega do pedido de Conciliação no âmbito da denúncia, pela AEEP, do Contrato Coletivo de Trabalho para o Ensino Particular e Cooperativo (foto: J. Caria).


ENSINO PARTICULAR E COOPERATIVO

Eventual acordo sobre essa matéria legitimaria as ilegalidades que a ACT (Autoridade para as Condições de Trabalho) tem vindo a exigir que sejam corrigidas. Na imagem: declarações da delegação sindical à comunicação social (foto: J. Caria)


FENPROF na Procuradoria Geral da República

O Secretário Geral da FENPROF, Mário Nogueira, acompanhado de outros dirigentes da Federação e de um elemento do seu gabinete jurídico, entregou (10/02/2014) na Procuradoria Geral da República, em Lisboa (foto: J. Caria), uma queixa-crime pelo facto de haver sérios indícios de que uma parte substancial do financiamento de instituições do ensino particular e cooperativo terá estado a ser desviada para fins ilícitos e de forma ilícita pelos proprietários de colégios com contrato de associação.

Revista de imprensa


Em foco

A FENPROF, na sequência da grande reportagem emitida pela TVI no dia 3 de dezembro de 2012, solicitou a intervenção do Ministério Público, para que realizasse uma investigação rigorosa, face às denúncias divulgadas naquela reportagem e tem em preparação uma queixa-crime.


FENPROF reúne com a A.E.E.P.

Na sequência da denúncia pela AEEP, no passado mês de Maio, do atual Contrato Coletivo de Trabalho do Ensino Particular e Cooperativo, foi iniciado no passado dia 3 de dezembro o processo negocial entre a FENPROF e aquela associação patronal.


REPORTAGEM DA TVI REVELA

Abordagem objetiva, oportuna e crua, da realidade do financiamento da Educação e do desperdício de dinheiros públicos que, no caso do financiamento do ensino privado, é justificado pela sua natureza claramente ideológica


▶ 
▶ 
Ensino Particular e Cooperativo, IPSS e Misericórdia
▶ 
parecer da ACT
▶ 
Iniciativa da FENPROF junto dos grupos parlamentares
▶ 
em foco
▶ 
Revisão do Estatuto do Ensino Particular e Cooperativo
▶ 
PROFESSORES, MOTORES DA LUTA E DAS SUAS CONQUISTAS!
▶ 
Informação aos Docentes do setor
▶ 
CONTRATO COLETIVO DE TRABALHO
▶ 
Financiamento público do Ensino Privado
▶ 
ENSINO PARTICULAR E COOPERATIVO
▶ 
Ensino Particular e Cooperativo e Escolas Profissionais
▶ 
ENSINO PARTICULAR E COOPERATIVO
▶ 
REVISÃO DO CCT E REGULAMENTO DA AVALIAÇÃO
▶ 
Entrevista ao Secretário Geral da FENPROF
▶ 
Reuniões em Coimbra, Faro, Lisboa e Porto
▶ 
Cortes salariais, ameaças, ilegalidades
▶ 
Ensino Particular e Cooperativo
▶ 
Contrato Colectivo de Trabalho no Ensino Profissional
▶ 
▶ 
publicado no Boletim de Trabalho e Emprego
▶ 
Portaria nº 462/10 de 1 de Julho
▶ 
▶ 
reclassificação na carreira
▶ 
Deliberação da C. Paritária
▶ 
▶ 
▶ 
▶ 
Ensino Particular e Cooperativo
▶ 
▶ 
Protocolo celebrado entre o Ministério da Educação e a AEEP
▶ 
Em 8 de Fevereiro de 2007 foi assinado o CCT do EPC para o ano 2006/07
▶ 
Comunicado da FENPROF de 13/12/2006
▶ 
▶ 
Reunião de 25 de Julho consegue manter processo negocial e contrato da FENPROF em vigor
▶ 
A todos os sócios dos Sindicatos da FENPROF aplicam-se todas as cláusulas do CCT assinado entre a Federação e a AEEP
▶ 
De 23 a 26 de Maio
▶ 
"Reforçar os Direitos, Valorizar a Profissão"
▶ 
Encontro Nacional no dia 6 de Maio, em Lisboa, por iniciativa da FENPROF. Lema: "Reforçar os direitos, valorizar a profissão"
▶ 
Lisboa, 6 de Maio de 2005, no Hotel Marquês de Sá (Av. Miguel Bombarda 130
▶ 
Aviso nº 1508/2005 (2ª série) de 15/2
▶ 
Educação Pré-Escolar destas instituições tem novo Acordo para 2004/2005
▶ 
CCT assinado entre a AEEP (Associação dos Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo) e a FENPROF
▶ 
Tabelas salariais para 2004
Voltar ao Topo